O sacrificio de duas torres no xadrez

O sacrificio de duas torres no xadrez

R$ 39,00Preço

O sacrificio de duas torres no xadrez - Luiz Roberto da Costa Junior

 

O mundo do xadrez tem 64 casas. As torres estão nos 4 cantos e são referências importantes para a estabilidade da posição, apesar de seus lances lentos na 1ª fila, durante a abertura, visando o roque e a segurança do rei. A harmonia das peças permite formular um plano para prosseguir a partida, mas, ao retirar-se ambas as torres, as referências mudam completamente e a posição toma um rumo para um rápido desfecho que pode ser inesperado, tal como no mundo real. O tema tem uma mística especial, pois o jogador abre mão de praticamente 1/3 de sua força (duas torres valem 10; a dama, 9 e as quatro peças menores, 12). Esta combinação é tão rara de acontecer que muitas vezes um jogador poderá tentar de tudo para fazê-la uma realidade. Não é um sacrifício por razões posicionais; assim sendo, as variantes concretas devem ser decisivas. O presente livro é uma seleção de partidas sobre o tema do sacrifício de duas torres. As análises e os comentários visam levar ao leitor um mundo do xadrez que raramente ocorre, mas que pode ocorrer (tal qual no mundo real): o rei no centro, a falta de coordenação na defesa e a peça mais poderosa, que é a dama, fica isolada e não participa do jogo diante do sacrifício das duas torres, muitas vezes não se tendo certeza de qual será o desfecho da batalha.


Idioma: português
Paginas:136
Ano de publicação: 2010

Copyright 2014 Ponto do Xadrez Ltda. 

  • facebook-square